sexta-feira, 30 de maio de 2014

"O QUE NÃO ASSUSTA,ACOLHE"

Me falta o tema,
só temo que falte
o poema.

Assim entre aspas e tremas,
pausas pequenas.

Retaliações do dia,
problemas...

Me abandono em fuga,
escondo,bicho do mato,arredio.

De repente,acalento,
acalanto,empatia...

Eu nos braços da poesia!

Reginaldo 3052014

Nenhum comentário:

Postar um comentário