domingo, 25 de maio de 2014

"CAMBIO SEMILLAS"


Cambio de semillas
não por acaso,
as semeaduras rendem frutos.

Um dia propício
pra toda origem incubada,
dês-hibridar.

Um mar de raças,
tão natural,quanto 
a universalidade das sementes.

Segue o mundo,
num retrocesso lento e inefável,
na busca do profundo.

De tão alto que voou,
precisou refazer o trajeto,
reinventar um regresso,pousar!

Da superficialidade do avanço
a qualquer custo,
para por o pé no chão,
ouvir o lamento da terra.

Andar sobre,viver da,
revolver e se abraçar os braços
desta que te revelou homem.

Puro como semente,
mas incubado e imperfeito
como um deus pequeno.

Trocar a casca e no mais fascinante renascimento ,
se desvelar do pó, a luz e frutificar!

Reginaldo



Nenhum comentário:

Postar um comentário