domingo, 25 de maio de 2014

"EM MENÇÃO AO LANÇAMENTO DO LIVRO DO POETA PAULO GONÇALVES"



Paulo Gonçalves,,
meu amigo e por sorte minha
foi meu professor.

defini-lo é difícil,
pois se tornou um enigma,
falando em silencio,
suas escritas,por vezes se torna
um misto do eco das suas inquietudes.

É um guerreiro solitário,
que no auge dos seus delírios
vislumbrou um desvio
por onde trilhou seu caminho.

As vezes incompreendido,
taxado de doente,até louco,
mais comum aos poetas,
esses seres que enxergam oásis
no mais inóspito deserto.

Não por acaso é hoje,
seu dês-encasular,
seu mostrar a cara.
Maria da Fé,
que hoje recebeu
um evento internacional de troca de sementes Criola,
tem um filho seu que começa colher o fruto
de sua semeadura.

"O encanto que se dá,
é do pouco que se tem
é do tanto que se sobra,
deste pouco para alguém.

Isto é o que estamos presenciando aqui.


Jose Reginaldo Da Silva.

24/05/2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário