quinta-feira, 27 de março de 2014

"A JANELA ,O PÁSSARO E O FIM."

Uma janela,
uma pena,
um pássaro

Um susto,
um espanto,
um voar,
um encanto.

Um céu,
um espaço,
uma gaiola,
um quarto,
um carcere,
uma prisão.

Uma solidão,
um pensamento,
um pedido,
um lamento.

Uma inveja,
uma cobiça,
uma vingança,
uma armadilha.

Um alçapão
um pouso fatídico,
um canto triste,
uma condenação.

Uma sentença imposta,
um voar interrompido,
uma dilaceração.

Um cortar de asas,
um silencio profundo,
um desabar o mundo.

Uma liberdade tolida,
uma vida esquecida,
uma desolação.

Um canto mudo,
um grito gemido forte,
uma luz enfim...A Morte!



Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário