sexta-feira, 6 de junho de 2014

"SAINDO PRA DENTRO"


Tudo em volta é resquício de passado,
é janela aberta no tempo ido,doído,
pedaços de sofrer em meio a desesperança.

Uma luz que não a minha,
apagada,se acende...
Acena pra mim!

Busco essa chama,
que chama a renovar,
renascer,
mergulho nas entranhas desta luz,
sigo o lume deste pensar.

Uma atraente visão do belo,
em forma de sedução,
convida a desbravar novas veredas.

Sou ávido pelo novo,
aceito o convite,
não exito ,
exilo-me.

Adentro pra fora deste tempo,
colho o tento que abre o portal,
sigo o cheiro da primavera,
da renovada estação.

Traço meus passos,novos caminhos,
ouço o silencio do vento,
canção suave do corpo dela,
agora meu refugio,meu templo.

Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário