quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

"PERDIDO"

Confusão,
confissão,
conjunção de sentir...

As estrelas descem,
a lua estremece,
posso tocar o céu.

Adoece o morrer,
vive o viver...
Nasce!

Sorvo deste desalinhamento,
me perco nas espremeduras,
sofro esta intercalação.

Sou meio,
centro e extremo,
sou a causa desta conjunção!


Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário