sábado, 22 de fevereiro de 2014

"ABERTURA"



Abriu o dia,
os olhos e a poesia...

A Vida veio de novo caminhar comigo.


Demos as mãos e retomamos o curso.

Velas ao vento,enfumadas,
rota traçada,

sentido...

Destino.

Este sopro me leva,
ao cais atemporal,
ao desague das chuvas
da alma mortal.

Mas que seja breve eternamente,
está rotina,dormir e despertar,
todos os dias recomeçar...

Então Amar! 


Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário