quarta-feira, 3 de junho de 2015

"OUTRA AVENTURA"



Amanhece...
Como num rito sagrado,
a sacerdotisa exorciza com incenso,
proteção e escapulário,
Ameniza e harmoniza a natureza da vida,
com todo seu relicário.

O Sol...
Acorda ainda cedo em meio as brumas,
o prado todo orvalhado,
a vida inicia seu ritmo frenético
onde o Azul é cor do cenário.

O dia...
Se ergue imponente e claro,
outra vez o cavaleiro monta seu cavalo,
abraça seus desafios e galopa incerto,
mudando seu destino,tramando itinerários.

O Tempo...
Apressado como um córrego,
atropela seus planos,impõe a tarde,
sem alarde a finitude,seu calvário!
A Lua despretensiosa vem cheia de luz,
ali no horizonte depois do crepúsculo diário.

Os Olhos...
Cansados pesam,
desce do cavalo,solta os arreios,
arma sua rede,espanta seus demônios,
Debaixo de um véu negro,
entregue seu corpo adormece,
enquanto segue viagem seu pensamento,
na batalha dos sonhos.Anoitece...!

Reginaldo


Nenhum comentário:

Postar um comentário