terça-feira, 12 de maio de 2015

"DESOLADO"


Há uma ilha em mim,
Oculta,isolada,inóspita,
silenciosa!

Há trilhas nesta ilha em mim,
intocadas,sem clareiras,
segredadas á chão batido!

Há um coração ai nesta ilha de mim,
Pulsante,resiliente,sem rumo
e errante!

Há ainda no entorno desta ilha em mim,
um mar,calmo,sereno,
ansiando por desaguar!

É fim de tarde na ilha...

Em mim chove o choro do tempo...

Escorre sobre a rocha.
Os olhos desvelam a solidão,
o mar se agita,ante a noite que cai...

Grita!

Em mim a ilha entra em erupção,
a lava abrasa e lava a alma,
meu isolamento era minha libertação!

Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário