sábado, 16 de novembro de 2013

"DESALUMIADO"




Conjunção,
confusão de sentir,
as estrelas descem,
posso tocar o céu,
onde a lua estremece.
Adoece o morrer do dia,
floresce vivo o viver,
nasce!
Chega na brisa o perfume,
teu cheiro me invade,envolvi,
entorpece esse pobre nobre,
sem lume!


Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário