sábado, 26 de outubro de 2013

"TOLICE"




Atravessastes desertos sombrios,
noites escuras,
sem o clarão da lua.

Já dormistes nos bancos da praça,
acordastes dentro de sarjetas, 
mais mesmo assim,
chegastes até aqui!

Disfarçastes na luz do dia,
se refazia rápido
dos pesadelos.

Quem olhasse para ti,
diria que chegara de sonhos,
de sonhos paradisíacos.

Tamanho era o esforço
pra se mostrar bem,
pra dissimular,
mentir...

Pra si mesmo!

Pois sua aura era negra,
tristonha,sem luz...
Como as noites que atravessara!

Mais chegastes até aqui!

Se a noite não te foi companheira,
um conselho...

Roube a luz do dia,
sua efêmera alegria,
sonhe acordado.

Olhe pro lado,
abrace uma arvore,
fale com as flores!

Acenda sua luz,
não se engane mais!

Grite,cante,voe!

Reginaldo 26/10/2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário