terça-feira, 1 de outubro de 2013

""ENCONTRO"



PROCURANDO A NOITE,
O VENTO SOPROU FINO,
O SOM QUE ECOAVA,
ERA COMO O SOM DE UM CLARIM.

BALANÇOU AS FLORES TÃO SUAVE,
QUE AS BORBOLETAS,AS JOANINHAS,
AGARRARAM-SE AOS GALHOS DO ALECRIM.

A BRISA FRESCA QUE CHEGOU AO MEU JARDIM,
SÓ VEIO BUSCAR O CHEIRO DO JASMIM.

TEMPEROU,COM CHEIRO DE RELVA,
MARGARIDAS,ROSAS,CRAVOS E 
CRISÂNTEMOS...

PERFUMOU-SE,
E FOI COMO VEIO,
SUAVE A SE ESPALHAR.

NA BUSCA DA DAMA DA NOITE,
EMBORA AINDA FOSSE DIA.

MAIS SEGUIU...
ASSOBIANDO SEU SUAVE PERFUME,
AO ENCONTRO DA NOITE
QUE VINHA COM A REVOADA DE 
VAGA-LUMES.

Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário