quarta-feira, 23 de outubro de 2013

"NÃO TEM SENTIDO"

Tato,
se foi o carinho,
as carícias.
Nem no olfato,
o cheiro
de você ficou...
Isso é fato!
A doce vida,
ao seu lado...
Amargou!
Não tem mais sentido.
Quem só tinha olhos pra ti,
só enxerga saudade,
só lembranças.
Não estava preparado,
pra solidão.
Pra essa escuridão que se fez,
pra  esse vazio repleto de
ausências.

Nenhum comentário:

Postar um comentário