terça-feira, 30 de dezembro de 2014

"REFLEXO"




Nadar num lago de espelhos,
para confundir os traços
de mim mesmo.

O espelho não é nada,
até que capta alguém
e sai espalhando o brilho que não tem!!!


É tudo rastro deixado no tempo,
tudo vento em calmaria,
nada é invento...Tudo é poesia!


Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário