terça-feira, 8 de setembro de 2015

===SE BEM ME LEMBRO...==






A Poesia na praça grita em silêncio,
tua fala rouca,sussurra doçuras
ao amargo do dia...O Poeta
é só mais um louco a bradar pela rua!

Trás consigo um chumaço de papel,
debaixo do braço,ali está todo teu mundo,
teus delírios mais profundos,
teu chão e teu céu...

Fala pros bichos em canções,
recita em versos teus dias,
o velho poeta não se cansa,
da missão,da Poesia.

Por isso passa despercebido,
aos olhos da correria,
é só adorno de rua
aquele velho e a Poesia.

Mas ele passa florindo,
devolvendo o verde
trazendo a chuva,
espalhando cor.

Trás alegria aos olhos sensíveis
as almas sutis,metódico e pontual,
abranda a secura,
semeia em silencio vital!

Este mesmo velho poeta,
agora me lembro,
vem sempre na primavera,
Ele se chama Setembro!

Jose Regi Poesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário