segunda-feira, 8 de setembro de 2014

"MELANCOLIA"



Chora a lua cheia,
escorre minguante
ante o encanto
da noite que chega.

Colho suas lagrimas
no silencio da janela,
essencialmente nua,
úmida e ainda sim ...Bela!

Desfila seus lamentos,
saudade do sol e do vento
em noite de calmaria.

Choro de lua é orvalho,
que banha as madrugadas
com seiva na relva.

É melancolia,
inspiração,
poesia.

Reginaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário