"ERA UMA VEZ"

                                                                       


                                                      "ERA UMA VEZ"

VARRIA ....
O VENTO SEUS CABELOS LONGOS; MARIA.

APARECIA...
ASSIM DA NOITE PRO DIA.

POESIA...
SE FEZ VERSOS EM POEMAS DIVERSOS.

SONHARIA...
COM O LIRISMO DE SUA ALMA.

CALMA...
CRESCERA SOB AS PALMAS,
DE MÃOS QUE NÃO ERAM TUAS.

AGORA...
ANCORA SEU BARCO,
FIXOU PARADA PERENE

ENCONTROU...
O PORTO SEGURO,
LONGE DO ESCURO,
DA NOITE
DO MAR ABERTO.

ILUSÃO...
ACABOU,
ACOMODOU SEU SONHOS
EM FANTASIAS REAIS
NO PULSAR DE UM CORAÇÃO.

DEIXOU DE SER LENDA,
ACHOU SUA SENDA,
RETIROU A VENDA.


HUMANIZOU.

  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tributo a meu berço

"Flor Bebê"

Obra inacabada