quarta-feira, 31 de julho de 2013

"O QUE NÃO ME OCULTA ,ME REVELA"



As vezes me abandono
nas palavras que me abraçam,
como a um colo de mãe
que acarinha e acalenta.

Me prendo ao aconchego,
para ouvir o teu silencio,
nas palavras que ecoam
do seu olhar que me fitam.

Decifro-te os sinais,
desvendo -te,
revelo-te...

Delírio meu,
não são só palavras...
Sou "Eu"

Nenhum comentário:

Postar um comentário